Buscar

Você tem a habilidade para executar?

A pandemia do coronavírus trouxe consigo uma necessidade urgente para que pessoas e empresas se adaptassem a recursos digitais que ainda não faziam parte do seu dia a dia.


E esse cenário vem fazendo com que muitos empresários e empreendedores sejam obrigados a rever algumas posições no que diz respeito às habilidades que seus liderados precisam ter para continuar gerando valor para o negócio.


Estratégia é importante, mas cuidado

Muitas vezes nós gastamos um tempo grande tentando encontrar a melhor estratégia para o nosso negócio, e acabamos nos esquecendo de algo ainda mais importante.


De nada adianta uma super estratégia, se as pessoas do seu time não têm ainda as habilidades necessárias para executar essa estratégia.


E esse é um erro muito comum em muitas empresas, desde o varejo popular até o universo das startups.


Ability to execute

Se já é difícil fazer transformações no negócio em momentos de normalidade, no cenário atual esse tipo de movimentação é ainda mais desafiador.


E isso acontece principalmente porque as pessoas envolvidas no processo de transformação não possuem as habilidades necessárias para conduzir esse novo projeto. De acordo com a pesquisa realizada pela McKinsey, 70% das transformações realizadas nas empresas fracassam, simplesmente por essa falta de “know-how”.


De olho nessa necessidade que as empresas têm de investir no desenvolvimento de habilidades através de plataformas digitais, a consultoria McKinsey criou o Ability to execute.


Trata-se de uma plataforma de ensino que combina oficinas, simulações e outras experiências que ajudam os funcionários a trabalhar melhor, mantendo o foco nas habilidades e na mentalidade corretas.


Habilidades necessárias pós-pandemia

É claro que cada pessoa vai ter suas próprias necessidades quando o assunto é o desenvolvimento de habilidades, mas existem algumas delas que são muito importantes para a maioria dos profissionais.


Uma dessas habilidades é a de liderar, que já era extremamente importante, e que agora nesse cenário de mudança de mercados e incerteza merece ainda mais importância.


A inteligência emocional também é uma habilidade crucial nesse momento de adaptação, além de estar diretamente ligada a liderança.


Afinal, a necessidade de controlar suas emoções e saber entender as emoções pode ser um grande diferencial dentro da sua equipe daqui para frente.


Primeiro porque tanto funcionários quanto empresários não têm outra opção que não seja se adaptar da melhor forma possível às incertezas que tomam conta do mundo atualmente.


E além disso, também temos que ter ciência das emoções das pessoas que estão à nossa volta, para entender seus medos e suas motivações.


Nunca foi tão fácil aprender

Hoje, ao contrário do que acontecia anos atrás, existe uma grande variedade de possibilidades para que as pessoas continuem evoluindo e desenvolvendo não apenas as habilidades que mais gostam, mas também aquelas que se mostram importantes para a execução do seu trabalho.


Afinal, não é mais obrigatório frequentar uma faculdade por quatro ou cinco anos, inclusive contraindo dívidas para bancar esses estudos, para aprender algo novo.


Então, você no papel de gestor precisa oferecer aos seus funcionários alternativas para que eles desenvolvam as habilidades que mais vão contribuir para o seu negócio daqui pra frente.


Até porque provavelmente muitos deles devem estar confusos, sem saber muito bem o que esperar dos próximos meses.


Esse pode ser o sinal que eles precisam para ficar tranquilos e concentrar suas energias no trabalho.


Criando esse ambiente favorável para que todos desenvolvam novas habilidades, você já sai na frente de todos que ainda não entenderam que o que os trouxe até aqui não é o que vai levá-los para o próximo nível.


E assim que a retomada começar com força, as empresas que assimilaram esse conceito sem dúvida serão aquelas que vão se destacar em todos os mercados.


Camila Farani é um dos “tubarões” do “Shark Tank Brasil”. É Top Voice no LinekdIn Brasil e a única mulher bicampeã premiada como Melhor Investidora-Anjo no Startup Awards 2016 e 2018. Sócia-fundadora da G2 Capital, uma butique de investimentos em empresas de tecnologia, as startups.


Fonte: Forbes

Posts recentes

Ver tudo

Ganhos ou perdas de capital na determinação do lucro

(…) nesse contexto que aparecem as diretrizes constitucionais para a tributação da “renda” pelo legislador da União, vocábulo (“renda”) que, na perspectiva da pessoa jurídica, é traduzido pelo conceit

© 2020 - Contador SC.