Buscar

O que é e como calcular o valuation de uma empresa?

Quando um investidor decide investir em ações na bolsa de valores, ele sabe que corre alguns riscos inerentes ao tipo do investimento. E, com conhecimento, ele também sabe que, de forma racional, é possível tirar proveito da irracionalidade do mercado para aumentar a probabilidade de sucesso.


Entre as maneiras de aumentar as chances de êxito no mercado de ações destaco a estratégia de calcular o valuation – um dos indicadores fundamentalistas mais importantes para análise de uma companhia na hora de investir na bolsa.


Neste artigo, explicarei o conceito de valuation com o objetivo de lhe ajudar a ser mais assertivo em suas escolhas.


O que é valuation?

Valuation é o termo em inglês para avaliação de empresas. Logo, refere-se ao processo de encontrar, de forma quantitativa, o valor econômico de uma companhia. Ou seja, seu valor justo.


Para ficar bem claro, entenda que, no mercado, existe uma diferenciação entre preço e valor. Preço é o quanto você paga e valor, por outro lado, é o que você leva.


Seguindo essa máxima, na hora de comprar ações, o investidor pode procurar por bons papéis cujo preço seja menor que o seu valor justo.


Vale destacar aqui que, normalmente, os investidores com perfil especulativo – os traders – estão mais preocupados com o preço de uma ação e suas flutuações, enquanto investidores que visam o médio e longo prazo estão mais preocupados com o valor real da ação.


Qual a importância do valuation?

A bolsa de valores é um ambiente no qual sempre existem investidores vendendo uma ação pelo preço menor do que seu valor justo. Cabe ao investidor identificar essas oportunidades.


Quando não sabem o valor justo de uma ação, investidores correm o risco de perder oportunidades de compra e venda por basearem suas decisões de investimento apenas pelo preço do papel naquele momento.


É por meio do indicador valuation, portanto, que analistas financeiros e os próprios investidores conseguem localizar ações subvalorizadas no mercado ou com preços abaixo do valor que valem. É assim que eles têm a possibilidade de aproveitar boas oportunidade para obter bons lucros no mercado.


Portanto, ao calcular o valuation, quem está investindo reduz as chances de:


  • Vender ações muito cedo e perder lucros futuros; ou

  • Comprar uma ação com preço mais alto em relação ao valor real da empresa.

Como funciona o valuation?

Ao adquirir uma ação, o investidor compra uma fração da empresa, tornando-se sócio dela a partir daquele momento. Isso significa que todos os resultados da empresa no passado não pertence ao investidor que comprou hoje a fatia da empresa.


Como o passado não importa mais para quem está investindo no presente (a não ser para verificar o histórico da empresa), a postura do investidor na bolsa de valores, ao negociar ações, deve ser a de encontrar a capacidade da companhia em gerar caixa no futuro – avaliando se o investimento realmente vale a pena.


Para calcular o valuation da empresa é preciso projetar o potencial de lucro futuro da organização, trazendo o valor presente pelo risco. O risco é o custo de capital da empresa, isto é, quanto ela oferece de retorno ao investidor.


Existem alguns métodos utilizados para calcular o valuation. Dentre os mais utilizados por analistas estão a análise comparativa de múltiplos, a avaliação de histórico de múltiplos, valuation contábil, valuation pré-investimento, valuation pró-investimento e fluxo de caixa descontado (FDC).


Como calcular o valuation?

Para este artigo abordarei dois dos métodos para calcular o valuation:


  • Fluxo de caixa descontado;

  • Valuation por múltiplos.

Calculando o valuation pelo fluxo de caixa descontado

Comentei que, se neste exato momento formos comprar uma ação, um dos itens que precisaremos avaliar será a capacidade da companhia em gerar caixa no futuro, certo?


Nesse caso, temos que entender que existe algo conhecido por “valor de (do) dinheiro no tempo”. Por exemplo, por conta da inflação e de questões políticas e econômicas, R$ 10 hoje não valerão o mesmo que os R$ 10 daqui a um ano.


O indicador Fluxo de Caixa Descontado (FCD) busca justamente entender o valor do dinheiro no futuro para chegar a uma estimativa de valor presente.


O investidor utiliza a estimativa do valor do dinheiro no tempo para avaliar as possibilidades de retorno e os riscos do investimento. Sendo assim, este indicador fundamentalista utiliza duas variáveis muito importante: risco e retorno.


Em sua essência, se após analisar o fluxo de caixa descontado o investidor concluir que a empresa tem capacidade de gerar caixa no futuro, a oportunidade pode ser boa.


Calculando o valuation por múltiplos

Calcular o valuation por meio de múltiplos possibilita ao investidor comparar indicadores de empresas. Dos indicadores mais comuns de serem comparados estão:

  • Preço/Valor Patrimonial;

  • Preço/Lucro; e

  • Enterprise Value/EBITDA

Apesar de ser mais simples de entender do que o FCD, a ressalva que faço quanto à análise de empresas por múltiplos é que, na hora de comparar companhias, elas devem atuar no mesmo setor, ser do mesmo porte e ter um modelo de negócio similar.


Como isso às vezes é difícil, cabe ao investidor analisar também as especificidades envolvidas.


De maneira geral, o ideal é que o valuation por múltiplos seja utilizado para dar start na avaliação do investidor.


Concluindo

Algo extremamente importante quando falamos sobre valuation, adotando uma visão de longo prazo, é o fato de muitas pessoas acreditarem que, após encontrar uma empresa com bom valor de mercado e comprar ações, não precisão mais se preocupar com estas análises.


Todo investidor bem informado, no entanto, sabe que o mercado muda, muitas vezes rapidamente. Dessa maneira, sempre que for investir em ações busque constantemente avaliar o valor dos papéis e analisar se os fundamentos – incluindo o valuation – das empresas seguem interessantes.


Neste artigo dei uma visão geral de como calcular o valuation. Esse cálculo é feito, normalmente, por analistas, e nem todo investidor precisa, necessariamente, saber realizá-los.


Mas, para aumentar suas chances de sucesso nos seus investimentos em bolsa, é imprescindível que entenda o que cada indicador significa e a importância de cada um deles no contexto de avaliação do quanto vale um negócio.


Fonte: Josekobori.com.br/

© 2020 - Contador SC.