Buscar

LAIR: um indicador que mostra o quanto seria possível receber sem os impostos

Assim como um funcionário tem diferenças entre sua renda bruta e líquida, as empresas enfrentam isso com o seu LAIR.


Esta diferença entre o LAIR e o lucro líquido fica bastante clara nas demonstrações financeiras do negócio.


O que é o LAIR?

LAIR é a sigla para Lucro Anterior ao Imposto de Renda e Contribuição Social, os valores captados pela empresa antes que os tributos incidentes sobre eles, Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), sejam pagos.


Ele faz parte do cálculo do Lucro Operacional do negócio.


Este cálculo é importante para que a empresa tenha um controle acerca do montante de recursos destinados ao governo.


LAIR e o resultado operacional

O resultado operacional tem como função demonstrar se a empresa teve lucro ou não com base apenas nas suas operações.


Assim, descontam-se as despesas administrativas, operacionais e comerciais. Desta forma, excluem-se as movimentações financeiras.


A conta para chegar neste dado é progressiva e demanda um passo a passo, a partir da receita operacional bruta.


Receita operacional bruta é o conjunto de receitas acumuladas ao longo do período, que tiveram origem nas atividades principais da empresa.


É a partir deste dado que são feitos os descontos devidos.


Nesta conta entram as devoluções, os descontos e impostos sobre vendas, como:

  • ISS;

  • ICMS;

  • PIS;

  • Cofins.

Assim, chega-se à receita operacional líquida.


O resultado operacional, por sua vez, desconta da receita operacional líquida o custo da mercadoria vendida ou serviço prestado.


O valor resultante deste cálculo será o resultado operacional bruto. Ele também é chamado de lucro operacional bruto.


A partir deste dado, descontam-se ainda os custos fixos, como administrativas, operacionais e comerciais.


Acrescentam-se ainda receitas recebidas eventualmente para, enfim, chegar ao resultado operacional líquido.


E é aqui que é encontrado o lucro antes do imposto de renda.


Onde encontrar o LAIR de uma empresa?

Estas informações são encontradas na Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) elaborado pelas empresas.


Instituída pela Lei das Sociedades por Ações, a DRE é obrigatória a uma série de empresas.


Esta obrigação acessória tem justamente o objetivo de demonstrar qual foi o resultado econômico do exercício da companhia.


Na prática, trata-se de um relatório contábil com informações que interessam tanto aos acionistas quanto ao mercado como um todo.


E, em Contabilidade, resultado é traduzido ou em lucro ou em prejuízo.


O exercício em questão costuma ser de 12 meses, mas pode também ser mensal ou trimestral.


Na DRE deverá constar tudo o que a empresa recebeu ao longo do período, bem como o que ela gastou.


Por isso, a sua primeira conta é a receita operacional bruta.


Ela passará pelo LAIR , para, após a subtração do IRPJ e da CSLL, chegar ao resultado líquido do exercício.


Se este representar um lucro, ele poderá ser dividido entre os sócios e acionistas e ainda abater prejuízos futuros.


Isso dependerá da situação da empresa.


Tiago Reis

Formado em administração de empresas pela FGV, com mais de 15 anos de experiência no mercado financeiro, foi sócio-fundador da Set Investimentos e é fundador da Suno Research.


Fonte: Sunoresearch.com.br/

Posts recentes

Ver tudo

Origens das propostas de investimentos

As propostas de investimentos de capital de uma empresa podem ser enquadradas segundo suas diversas origens, isto é, de acordo com os motivos internos que determinaram seus estudos. Apesar de as técni

Aprenda o significado de moeda funcional

A moeda funcional de uma entidade é a moeda do ambiente econômico principal no qual a entidade opera. Isso quer dizer que é aquele em que principalmente ela gera e despende caixa. Alguns fatores devem

© 2020 - Contador SC.