Buscar

Constituição de empresas: Parte jurídica e livros necessários

A elaboração de um contrato com as principais regras que regerão a sociedade é a primeira etapa que deve ser desenvolvida na constituição de uma empresa. Algumas cláusulas fundamentais do contrato que devem ser exaustivamente discutidas antes do registro da empresa são:


a) o tipo de sociedade adotado:


• empresa individual, sociedade simples, sociedade empresária (Ltda., S.A.) etc.;


b) a declaração precisa do objeto social:


• o ramo de negócio que a empresa exercerá;


c) o capital social, a participação e a responsabilidade de cada sócio:


• o valor do capital social, o quinhão de cada sócio;


d) a qualificação dos sócios:


• nome, nacionalidade, estado civil, número da identidade, residência;


e) a denominação da empresa e sede:


• o nome comercial da empresa, bem como a sua localização, município;


f) o prazo de duração da sociedade:


• normalmente o prazo é indeterminado;


g) outras informações:


• destaque dos sócios-gerentes;


• forma de integralização do capital;


• atitudes no caso de falecimento de sócios etc.


Para facilitar o entendimento da tabela, colocada abaixo, será explicado o conceito de Sociedade Simples e Sociedade Empresária:


Sociedade Simples: caracteriza-se pela formação de uma pessoa jurídica apenas para o esforço de profissionais desempenharem melhor suas funções. Exemplos: consultórios médicos, consultórios dentários, escritórios de advocacia etc.


Sociedade Empresária: caracteriza-se pela união de empresários que, ao contrário da Sociedade Simples, têm como objetivo exercer uma atividade econômica organizada, constituindo elemento de empresa. Exemplos: Sociedades Anônimas e Sociedades Limitadas. A título de elucidação, apresentam-se também os passos para uma empresa prestadora de serviço: (Clique aqui)


Outras exigências poderiam ser indicadas na constituição ou instalação de uma empresa; por exemplo, para as indústrias há necessidade de autorização da CETESB (liberação para funcionamento de empresas não poluentes); para afixação de placas, anúncios etc. há prefeituras que cobram taxas, e assim sucessivamente.


Livros obrigatórios para as empresas

Ao se constituir uma empresa ressalta-se a necessidade de alguns livros obrigatórios que conterão registros referentes aos negócios da empresa. Como livro comercial obrigatório há o Diário, assim chamado porque nele são registradas diariamente as operações que afetam a situação patrimonial da empresa.


O Diário pode ser em forma de fichas soltas ou contínuas (formulário contínuo introduzido com o advento do computador).Os bancos estão dispensados do Diário desde que o substituam pelo livro Balancetes Diários e Balanços.


O Razão em forma de livro, fichas ou sistema eletrônico também é obrigatório.


Livros obrigatórios para as sociedades anônimas

Também conhecidos como livros sociais, as Sociedades Anônimas devem ter os seguintes livros, entre outros:


I. Livro de Registro de Ações Nominativas – destaca nome dos acionistas, número de suas ações, resgaste das ações, transferência etc.;


II. Livro de Transferência de Ações Normativas – no caso de transferência, o cedente e o comprador devem assinar esse livro;


III. Livro de Registro de Partes Beneficiárias Nominativas e o de Transferências de Partes Beneficiárias Nominativas, se tiverem sido emitidas, observando-se, em ambos, no que couber, o disposto nos I e II deste tópico;


IV. Livro de Atas das Assembleias Gerais – com o conteúdo das reuniões dos acionistas;


V. Livro de Presença dos Acionistas – contém assinaturas dos acionistas presentes às reuniões etc.;


VI. Livro de Atas das Reuniões do Conselho de Administração, se houver, e de Atas das Reuniões de Diretoria;


VII. Livro de Atas e Pareceres do Conselho Fiscal.


Livros auxiliares

Pela lei são livros facultativos. São necessários, porém, para fornecer à contabilidade maior rapidez, maiores detalhes, maior exatidão. São eles:


• Caixa – registra toda entrada e saída de dinheiro da empresa. Indispensável para qualquer empresa, independentemente do seu tamanho;


• outros livros auxiliares: livro de estoque, de obrigações, de duplicatas a receber, de contas-correntes.


Livros fiscais

São os livros exigidos pelo Fisco federal, estadual e municipal. Os mais importantes são:


• Livro de Apuração do Lucro Real – LALUR (apura o lucro tributável para cálculo do Imposto de Renda), atualizado para ECF – Escrituração Contábil Fiscal – LALUR/DIPS;


• Livro de Apuração do IPI – mod. 8;


• Livro de Registro de Entrada de Mercadoria – mod. 1 e 1-A;


• Livro de Registro de Saídas de Mercadorias – mod. 2 e 2-A;


•Livro de Apuração do ICMS – mod. 9;


• Livro de Inventário – mod. 7;


• Livro de Apuração do ISS;


• Livro de Registro de Impressão de Documentos Fiscais – mod. 5;


• Livro de Movimentação de Produtos – LMP;


• Livro de Registro de Controle de Crédito de ICMS Ativo Permanente – CIAP;


• Termo de Abertura de Livro Fiscal;


• Memorando de Exportação;


• Demonstração de Apuração de ICMS – DAICMS Automotivo;


• Livro de Registro do Selo Especial de Controle – mod. 4;


• Livro de Registro de Utilização de Documentos Fiscais e Termos de Ocorrências – mod. 6;


• Livro de Registro de Controle de Produção e do Estoque – mod. 3;


• Livro de Registro de Empregados ou Fichas etc.


Por: JOSÉ CARLOS MARION - É mestre, doutor e livre-docente em Contabilidade pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/ USP). É professor e pesquisador do Mestrado em Contabilidade na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Dentre os 29 livros publicados na área contábil, é autor de Contabilidade rural, Contabilidade empresarial e Contabilidade básica e coautor de Curso de contabilidade para não contadores, Contabilidade avançada, Introdução à teoria da contabilidade, Contabilidade comercial, Administração de custos na agropecuária, Manual de contabilidade para pequenas e médias empresas, Contabilidade geral para concurso público, Contabilidade da pecuária e Normas e práticas contábeis, publicados pelo GEN | Atlas.


Fonte: Gennegociosegestao.com.br/

Posts recentes

Ver tudo

O mundo, o Brasil e a Covid

Máscaras, álcool em gel, distanciamento social. Desde março, estamos vivendo um período de crise nunca antes vista pela nossa geração, tempos estranhos. Será que muita coisa ainda está por vir? Qual s

© 2020 - Contador SC.