Buscar

Aspectos controvertidos da incidência de contribuições previdenciárias sobre a produção rural

Este artigo tem o objetivo de abordar, de maneira ampla, os aspectos controvertidos da incidência de contribuições previdenciárias sobre a produção rural, denominadas genericamente “contribuições para o Funrural”, em alusão ao antigo Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural, remodelado pela Lei Complementar nº 11, de 1971, e extinto pelas Leis nº 7.787/1989 e 8.213/1991. Especial enfoque será conferido ao perfil constitucional das contribuições instituídas pela Lei Orgânica da Seguridade Social e outras que lhe completaram a normatividade, notadamente em relação à constitucionalidade da incidência sobre a receita bruta do empregador rural pessoa física, aos conceitos de receita e resultado da comercialização, à possível ocorrência de “bis in idem” na incidência cumulativa com a Cofins e à imunidade das receitas de exportações nas vendas internas a cooperativas e “trading companies”. As considerações farão remissão ao entendimento prevalecente na jurisprudência dos tribunais administrativos e judiciais do país.


Texto completo: Clique aqui


André Mendes Moreira Professor adjunto de Direito Tributário nos cursos de graduação, mestrado e doutorado da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), doutor em Direito Econômico e Financeiro pela Universidade de São Paulo (USP) e mestre em Direito Tributário pela UFMG. Advogado e diretor da Associação Brasileira de Direito Tributário (Abradt).


Arthur Maia Queiroz Graduado em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).


Fonte: Sachacalmon.com.br/

© 2020 - Contador SC.